Buscando o bem-estar, desde de 2006.

 


inicial    abrapo   depoimentos   colabore  links    fale conosco   

 

 

 

Vacinação

PORFIRIAS HEPÁTICAS AGUDAS
E COMORBIDADES PARA PREFERÊNCIA
NA VACINAÇÃO CONTRA A COVID 19

Pessoas com doenças crônicas neurológicas agora fazem parte do público-alvo da vacinação contra a Covid-19. A inclusão do grupo na lista de comorbidades foi realizada, na quinta-feira (20/05), com a atualização do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 (PNO).

Com isso, portadores de doenças cerebrovascular (acidente vascular cerebral isquêmico ou hemorrágico, ataque isquêmico transitório e demência vascular), "doenças neurológicas crônicas que impactem na função respiratória, doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular", e indivíduos com deficiência neurológica grave, paralisia cerebral, esclerose múltipla, ou condições similares, já podem se vacinar contra a Covid-19 em todo País.

As porfirias hepáticas agudas são doenças crônicas que envolvem o sistema nervoso centrar e periférico. Sendo assim, pacientes com porfirias hepáticas agudas estão incluídas na lista de "comorbidades"

A decisão de quem tem a prioridade é dos médicos e segue de acordo com os prognósticos, ou seja, leva em conta o menor risco do paciente e a maior chance de alcançar o resultado com a utilização de determinado recurso.


https://www.gov.br/casacivil/pt-br/assuntos/noticias/2021/maio/pessoas-com-doencas-cronicas-neurologicas-sao-incluidas-nos-grupos-prioritarios

 

 

 

Coronavirus
e porfirias

Acesse aqui.

 

 

 

Respostas

às perguntas mais frequentes

sobre a COVID-19

Acesse aqui.

 

 

Covid-19 e porfirias

Acesse aqui.

 

 

 

 

 


 

 

> voltar

 

Associação Brasileira de Porfiria

R. ROSA SAPORSKI, 1053 MERCÊS

80810 120 CURITIBA PR

41 99151-5586

 

CNPJ 08.255.295/0001-59

Banco do Brasil

Agência 2920-3

C/C 18136-6

 


 

 Associação Brasileira de Porfiria – ABRAPO. Buscando o bem-estar. Desde 2006.

A ABRAPO pretende  oferecer aos pacientes e profissionais de saúde informações básicas sobre as porfirias. Toda a gestão médica relacionada deve ocorrer sob a supervisão do próprio médico do paciente. | Nossas informações e orientações não substituem a consulta médica, e não nos responsabilizamos por quaisquer diferenças de opinião, erros, ou consequências adversas  ocasionadas  pelo uso das informações publicadas neste site. | Da mesma forma não nos responsabilizamos pelos documentos e trabalhos apresentados, nos quais é expressa a opinião dos autores. | Os links são fornecidos para informação sendo que as  opiniões expressas nesses sites não representam necessariamente nosso ponto de vista.

 

Atualizado em 7 de junho de 2021.